Meditação e enlightment Carla Martins

Sono Mindful! Sabia que mindfulness pode ajudar no alivío da insónia?

Para que possamos ter uma boa qualidade de sono e facilidade em adormecer é fundamental relaxar e deixar ir as preocupações e stresses do dia-a-dia.

Uma das maiores queixas associadas à insónia recai exatamente no fato de quando a pessoa vai dormir ou quando acorda a meio da noite a mente não parar de andar às voltas em preocupações e situações que ocorreram durante o dia ou questão associadas a coisas que vão acontecer no dia seguinte.

Perante estes momentos, há sempre uma tentativa de nos forçarmos a adormecer, mas na realidade não conseguimos obrigar-nos a dormir e quando o fazemos ainda dificultamos mais o adormecer.

O que acontece é que níveis elevados de stress (saiba mais) causam um estado interno de hiper-excitação o qual não permite "desligar” o processo mental que anda às voltas a resolver situações do dia-a-dia.

Como este "botão” não desliga ficamos em estado de alerta mental que impossibilita o adormecer. Quando nos deitamos é fundamental conseguirmos que este "botão” mental se desligue para que o "barulho interno” diminua, as ondas cerebrais reduzam e nos permitam entrar de uma forma relaxada no sono.

Desta forma, o cérebro e o corpo conseguem repor e regenerar os seus processos internos.

Quando os sintomas persistem, a insónia está associada a alterações de humor, cansaço, irritabilidade e alterações cognitivas incluindo memória e concentração.

A insónia (saiba mais) é usualmente tratada com prescrições médicas as quais para algumas pessoas não surtem qualquer resultado ou refletem efeitos secundários indesejados. Muitos procuram alternativas para lidar com insónia incluindo técnicas de relaxamento e práticas de meditação mindfulness.

Vários estudos científicos demonstram que a meditação mindfulness tem excelentes resultados em casos de insónia associada ao stress isto porque, as ferramentas adquiridas ao longo dos cursos de mindfulness – Mindfulness-Based Stress Reduction (MBSR) – permitem regular de uma forma construtiva e adaptativa o stress, aumentar o estado interno de calma e por consequência a qualidade de sono e a facilidade em adormecer - saiba mais.

Um estudo desenvolvido na Universidade de Minnesota Academic Health Center, pela Dra. Cynthia Ross e colegas revelou que pessoas que sofriam de insónia crónica ao participarem no curso de MBSR obtiveram resultados semelhantes a um outro grupo que tomava medicação farmacêutica para a insónia crónica. Todos os participantes do MBSR adormeciam mais rapidamente, dormiam mais e melhor e sem os efeitos secundários dos medicamentos que eram verificados no grupo que tomava medicação.

A Dra. Cynthia Ross afirma "Dada a ausência de efeitos secundários e potenciais benefícios do mindfulness para lá do sono, nós encorajamos pessoas com insónia crónica, particularmente aqueles que não podem ou não querem tomar medicação, a completarem um curso de mindfulness MBSR”.

Algumas dicas:

1. Pratique mindfulness na respiração e mindfulness de exploração corporal antes de ir dormir (contate um instrutor de mindfulness qualificado).

2. Não se envolve em nenhuma atividade que estimule a sua mente duas horas antes de se deitar.

3. Não tome qualquer tipo de bebida estimulante antes de dormir.

4. Ao final do dia faça práticas físicas que lhe proporcionem relaxamento: yoga, tai-chi, Chi-Kung, etc.

EsmeraldAzul – para uma vida saudável, consciente e sustentável.